SHAKIRA NA ALTICE ARENA

Shakira - Altice Arena, Lisboa
Achei que este momento nunca ia acontecer. Achei-o em todos os anos que havia um concerto em Portugal, a começar naquele de Abril de 2003. Achei-o quando o concerto foi cancelado em Novembro. E, pior, achei-o quando, horas antes, um imprevisto quase me impediu de ir. Mas aconteceu. Depois de uma crise de nervos. Depois de meses de espera desde a data em que devia ter acontecido. Depois de ainda mais meses desde a compra. Depois de anos de espera. Fui a um concerto da Shakira. E valeu a espera.

Na quinta-feira, dia 28, fui até Lisboa, à Altice Arena*, realizar uma espécie de sonho de criança: ver a Shakira ao vivo. O concerto era para ter sido dia 22 de Novembro do ano passado, mas, tal como se devem lembrar, a Shakira teve uma hemorragia nas cordas vocais e teve de cancelar todos os concertos. Quando isso aconteceu quase pensei que ainda não ia ser desta. Havia a possibilidade de ela não voltar a cantar e teria sido muito triste. Felizmente, recuperou e o concerto aconteceu!
Shakira - Altice Arena, Lisboa
A Shakira era uma das minhas cantoras preferidas de infância. Quando ela veio a Portugal pela primeira vez, em 2003, lembro-me perfeitamente de estar no café da aldeia a ver reportagens e uma entrevista. Fiquei muito triste porque, mesmo que em Abril de 2003 eu só tivesse 8 anos, naquele momento achei que nunca a iria ver ao vivo porque Lisboa era demasiado longe. Depois ela voltou em 2006 e o concerto do Rock in Rio deu na televisão e foi algo assim para o incrível poder ver um concerto dela em directo. Ouvia muito as músicas dela até à época do She Wolf. Depois veio o Sale el Sol e, apesar de termos feito uma coreografia para o Loca no grupo de dança da escola e de Waka Waka continuar a ser a minha música de Mundiais preferida, já não era a mesma coisa. Com o álbum homónino, em 2014, acabei por voltar a ouvi-la mais um bocadinho e, apesar de não ser propriamente fã dos ritmos latinos da moda, o El Dorado, que saiu no ano passado, conquistou-me. Era óbvio que, tendo oportunidade, queria muito este concerto.

O concerto foi bom, a Shakira continua a ter mais energia do que eu alguma vez terei e foi muito bom cantar as minhas preferidas de sempre e as mais recentes, mesmo que aldrabando um bocadinho no espanhol. Achei as transições entre actos um bocadinho lentas. Cada acto iniciava com um vídeo, normalmente sobre algum projecto social a que a Shakira está associada, e pareceram vídeos muito longos e que quebravam o ritmo do concerto. Também acho que os ecrãs podiam estar um bocadinho mais altos, para se ver melhor na plateia. Fora isso, foi muito bom, fartámo-nos de dançar (e de suar, que aquela sala parecia uma sauna!) e de cantar. Foi bom. Já posso ser uma criança mais feliz!


*Passei o dia a chamar-lhe Meo Arena, parecia impossível acertar no raio do nome.


2 Theories So Far

  1. Se há artistas que gostava de ver ao vivo, a Shakira é uma delas! Também me desliguei um pouquinho do seu percurso musical, mas há sempre um vínculo que fica. E, volta e meia, lá estou eu a ouvi-la e a ficar fascinada com o talento e energia desta mulher.
    Fico muito feliz por teres realizado esse sonho :)

    ResponderEliminar
  2. Adorava assistir a um concerto da Shakira. Foi uma cantora que marcou muito a minha infância e adolescência.
    Beijinhos
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar

A resposta aos comentários é dada na própria caixa de comentários.

Não serão aprovados comentários de carácter ofensivo (para mim, para quem possa estar mencionado no texto ou para os meus seguidores e comentadores) e/ou que atentem contra a liberdade humana. Assim como não serão aprovados comentários que incentivem o ódio.