THE O.C. - NA TERRA DOS RICOS E DOS ADOLESCENTES QUE PARECEM ADULTOS

the o.c.
Uma das minhas séries preferidas da adolescência foi Gossip Girl. Adorava a Blair, perdia muitas vezes a paciência com a Serena, tinha teorias sobre quem seria a gossip girl, adorei a evolução do Chuck e tenho pena de que o Nate tenha sido muitas vezes renegado. Depois, adorei também ver Gilmore Girls, One Tree Hill, Veronica Mars. Mas havia uma falha nas minhas séries de adolescente: The O.C. A série esteve no ar entre 2003 e 2007 e durante alguns anos passou na RTP, ao sábado à tarde. Recordava-me do genérico, mas nessa altura a série passou completamente ao lado da minha vida. Queria muito ver, desde há uns anos, e finalmente posso dizer que o fiz.



CONTA-ME HISTÓRIAS: TALVEZ

Conta-me Histórias: Talvez
Este conto aconteceu sem querer. Sabia o tema que queria abordar, sabia o dia em que tinha de publicar, mas a história estava presa. Quando o comecei a escrever percebi que estava a relatar algo passado com uma personagem específica e confesso que isso dificultou e facilitou a situação. Mas, antes de avançarmos nos bastidores, se ainda não o fizeram podem:

LER O CONTO AQUI



TBC: STILL ALICE

*esta publicação inclui links de afiliados*
The Bibliophile Club: "Still Alice" - Lisa Genova
Vi o filme antes de saber que havia livro. Gostei tanto do filme na altura, há uns quatro anos, que comprei o livro depois, em segunda mão. O filme marcou-me e, apesar de na maior parte das vezes os livros serem melhores do que os filmes, esperava que o livro tivesse o mesmo impacto. Posso já dizer que entretanto revi o filme e achei uma adaptação até bastante boa, com apenas alguns pormenores que fizeram a diferença em relação ao livro. Tinha o filme tão presente na memória que, ao ler, conseguia facilmente ver as cenas correspondentes.



UMA DÚZIA DE LIVROS: O MONTE DOS VENDAVAIS

Uma Dúzia de Livros #3 - O Monte dos Vendavais [Emily Brönte]
O tema de Março do Uma Dúzia de Livros é clássicos. Ora eu tenho uma certa resistência aos grandes clássicos da literatura. Não é que tenha razões de queixa, é só mesmo uma mania parva. Para este mês acabei por optar pelo livro que estava há mais tempo na minha lista de leitura do Goodreads e que tinha cá em casa emprestado há séculos: O Monte dos Vendavais, da Emily Brönte. Neste caso, apesar de não saber grande coisa sobre o livro, há um pormenor: eu gosto muito da música da Kate Bush, Wuthering Heights, que ela escreveu inspirada nesta história. E depois de ler posso afirmar que a Kate Bush no vídeo parece muito aquilo que eu imagino a Catherine-mãe ser. Ou então associei logo uma à outra.



11.03.2009

10 anos blogosfera
Na verdade, a data está errada. Começou antes, em 2008, mas eu sempre preferi assinalar o 11 de Março de 2009. Fazia mais sentido para mim, tendo em conta que todas as tentativas anteriores acabavam eliminadas e eu não tinha datas certas. Foi no primeiro semestre de 2008, mas o dia e o mês são incógnitas. Fiquei com o 11 de Março de 2009. Foi há dez anos. E o que esta blogosfera viu de mim em dez anos foi tanto e tão pouco.