A PARISIENSE

A Parisiense - Ines de la Fressange
Nunca fui a Paris. No entanto, enquanto lia este livro, senti-me um bocadinho em Paris. O bocadinho possível, claro. Sonhei com este livro desde o ano em que saiu, 2010. No entanto, nunca me apetecia comprá-lo por ser demasiado caro: e se o livro não fosse nada de jeito e eu tivesse dado 22€ por ele? Hell no! Mas este ano, para minha felicidade, este foi um dos livros do dia da Feira do Livro de Lisboa. Numa tarde, antes das aulas, fui lá buscá-lo a metade do preço — algo que agradou muito mais à minha carteira.

Gosto de ler livros sobre moda e estilo. Não por ser uma grande especialista no assunto, mas por gostar mesmo de ler sobre isso e perceber o que está além das roupas que usamos. Este livro de estilo vai além das roupas e acho que poucos pormenores são deixados ao acaso. A capa em vermelho com a ilustração e as letras em dourado são uma das minhas coisas preferidas neste livro e, neste caso, é impossível não julgar o livro pela capa. Lá dentro, as ilustrações continuam a ser maravilhosas e muito melhores do que as fotografias.
A Parisiense - Ines de la Fressange
O livro divide-se em quatro partes e a primeira, sobre a moda em Paris, ocupa metade do livro, com roupas e acessórios que caracterizam o estilo próprio das parisienses e ainda sugestões de lojas populares. É verdade: em vários capítulos há sugestões de lojas de Paris (e algumas online). A segunda parte é, para minha tristeza, a mais curta, apenas com algumas dicas muito simples sobre produtos de beleza. E, como o estilo não está só no que vestimos mas também na nossa casa, há ainda uma parte dedicada à decoração de casa, também com sugestões de lojas. A última parte é dedicada às escolha da ex-modelo e o co-autora Ines de la Fressange. Nesta parte há mais sugestões de lojas, sim, mas é também uma espécie de guia de coisas a fazer ou locais a visitar em Paris, tanto para os locais como para os de fora. Achei isso interessante.

Sinceramente, quando terminei o livro, fiquei muito satisfeita por não o ter comprado ao preço original. O livro é interessante, mas, para mim, não compensaria o preço inicial. Como é óbvio, muitas das sugestões de lojas só fazem sentido se estivermos em Paris e se tivermos um orçamento... hum, superior. Ainda assim, algumas lojas existem em Portugal ou têm equivalentes mais baratos por cá, pelo que não é um total desperdício de páginas. A última parte é uma das mais interessantes, exactamente por ser uma espécie de guia de Paris.

Sinceramente, se gostam de moda e de livros do género, este é um livro que vos pode interessar, principalmente se gostarem muito de Paris. Não o compraria ao preço original, porque, para mim, não vale esse dinheiro, mas algumas das dicas são interessantes e talvez um dia seja também interessante para quando visitar Paris.


Título Original: La Parisienne
Autor: Ines de la Fressange & Sophie Gachet
Formato/Editora: Livro físico / Bertrand Editora
Ano: 2013 (edição original: 2010)
Nota ASW: 6/10

Mais livros aqui.



Esta é a minha terceira participação no #BEDA2017.
Acompanhem também as outras publicações:


3 Theories So Far

  1. Já tenho esse livro há imenso tempo e a meu ver não compensa pagar tanto por ele.
    Beijinhos :)
    https://dailyvlife.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Desconhecia o livro até este momento mas, sinceramente, não tenho grande curiosidade em lê-lo! :p
    Beijinho*
    http://nouw.com/juu

    ResponderEliminar

A resposta aos comentários é dada na própria caixa de comentários.

Não serão aprovados comentários de carácter ofensivo (para mim, para quem possa estar mencionado no texto ou para os meus seguidores e comentadores) e/ou que atentem contra a liberdade humana. Assim como não serão aprovados comentários de ódio puro.