PEDISTE UM TEMPO PARA QUÊ?

adidas in the green
Durante dois meses não peguei num livro, não vi um episódio de uma qualquer série, não peguei no tapete de yoga com intuito de o usar para algo que não fosse apenas sentar-me no chão a fazer trabalhos, não dormi muito, não tirei tempo para respirar. Agora que estou livre de avaliações (e em que falta apenas saber uma nota), tenho aproveitado para voltar a respirar, a ler, a fazer maratonas de séries.

Aqui há dias, o pessoal dos D.A.M.A lançava o desafio nas redes sociais a pedir às pessoas que partilhassem fotos a dizer para que é que queriam tempo. Eu queria tempo para parar. E tive-o. Claro que continuo na maravilhosa saga de enviar currículos, mas enquanto não há entrevistas nem trabalho, tem sido bom aproveitar o tempo para pensar, descontrair e respirar. E apesar de andar M.I.A. (aka missing in action) por estes lados, também ando a trabalhar em conteúdo para aqui.

E por muito que às vezes falte tempo, nestas alturas lembro-me sempre de que, quando queremos, até arranjamos tempo.


Share Your Theory

A resposta aos comentários é dada na própria caixa de comentários.

Não serão aprovados comentários de carácter ofensivo (para mim, para quem possa estar mencionado no texto ou para os meus seguidores e comentadores) e/ou que atentem contra a liberdade humana. Assim como não serão aprovados comentários de ódio puro.