I CAN'T DO THIS ANYMORE...

College life got me like.
Possivelmente, a culpa é muito mais minha do que eu quero acreditar que seja, mas já não aguento mais. Tenho escrito imenso no blog porque também preciso imenso de escapar das dezenas de coisas que ainda tenho que fazer. Mas a verdade é que também ando desconcentrada. Adoro ler e estou a ter problemas em terminar um livro, muito provavelmente porque me sinto obrigada a lê-lo. Deixei-me dormir a ler...

Tenho tantos trabalhos para terminar que já sei que, para variar, vou voltar a não ter férias de Natal. A culpa continua a ser minha: deixei as coisas atrasarem-se, achei que ia ter tempo, mas o tempo passou e eu estou a afogar-me em trabalhos por fazer. Tenho até a certeza de que, quanto mais tempo me dão para os fazer, pior está a ser. Mas até ao fim da semana quero terminar a maioria.

Por agora vou ali afogar-me mais um bocadinho (é o que dá não saber nadar) numa apresentação que faço amanhã. Depois vou estudar para o teste de amanhã (se é que se estuda para aquele teste). E depois arranjo tempo para: corrigir uma entrevista, fazer um perfil, fazer duas reportagens, começar um ensaio, terminar um artigo de opinião, corrigir outra reportagem, sair na terça e na quinta... eu não vou ter férias de Natal, pois não?


4 Theories So Far

  1. Desde que entrei para a faculdade que deixei de ter férias de Natal, já que tinha exames (quase sempre 2) logo na primeira semana de Janeiro..

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu tenho aulas na primeira semana de Janeiro (e, com isso, costumo ter entregas de trabalhos e afins).

      Eliminar
  2. Estamos no mesmo barco, Sofia. O importante é encontrarmos motivação no nosso quotidiano (:
    Força!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está (muito) difícil manter a motivação...

      Eliminar

A resposta aos comentários é dada na própria caixa de comentários.

Não serão aprovados comentários de carácter ofensivo (para mim, para quem possa estar mencionado no texto ou para os meus seguidores e comentadores) e/ou que atentem contra a liberdade humana. Assim como não serão aprovados comentários de ódio puro.