IN ANOTHER LIFE

Other life, same dream.
Um dia, numa outra vida, houve alguém que sonhou com um futuro muito promissor para mim. Parte desse futuro anunciado faz, agora, parte de um sonho maior. Suponho que já não faça parte da pessoa que o sonhou primeiro. Um dia, numa outra vida, alguém me disse que iria comprar todos os meus livros e que os teria autografados porque iriam acabar a valer muito dinheiro. Hoje, tantas vidas depois, lembrei-me daquele sonho, do sonho que sonhámos naquela outra vida. E, pela primeira vez, acho que não tive medo daquela palavra. Aquela. Escritora. Porque, afinal, eu não quero ser escritora. Eu quero escrever. E a inspiração da manhã foi, de facto, útil.


Image Credits | Pinterest


4 Theories So Far